quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Terror: Estado Islâmico convoca muçulmanos a perseguirem cristãos em todo o mundo

Mohammad al-Adnani, porta-voz do Estado Islâmico 

Os extremistas do Estado Islâmico fizeram uma convocação aos muçulmanos de todo o mundo para que persigam os cristãos de forma ininterrupta. A mensagem, destinada aos simpatizantes do terrorismo religioso, foi entregue em tom de ameaça aos seguidores de Jesus Cristo.

Mohammad al-Adnani, porta-voz do grupo terrorista, disse que as ações perpetradas pelos muçulmanos nos países do Oriente Médio e em Paris, na França, são apenas o começo da perseguição.

Pedimos aos muçulmanos da Europa e do Ocidente infiel que ataquem em todos os lugares […] Nós prometemos aos cristãos que eles continuarão vivendo em estado de alerta, de terror, de medo e de insegurança […] Vocês ainda não viram nada”, afirmou al-Adnani, de acordo com informações do jornal Correio do Povo.

A promessa de perseguição não se resume aos cristãos: o Estado Islâmico tem como uma de suas bandeiras a aniquilação de Israel, ideia que é compartilhada por outros grupos islâmicos, e que já recebeu demonstrações de simpatia de governantes de países como o Irã, por exemplo.

Em outubro de 2014, o Estado Islâmico se referiu aos fiéis em Jesus Cristo como seus maiores inimigos, e orienta aos muçulmanos que usem todas as ferramentas à disposição para matar cristãos: “Quebre a cabeça deles com uma pedra, ou mate-os com uma faca, ou atropele-os com seu carro, ou derrube-os de um lugar alto, ou sufoque-os, ou envenene-os… Você pode destruir tanto seu sangue quanto sua riqueza”, sugere um dos vídeos publicados pelos terroristas.

Reféns

O assassinato de reféns em frente às câmeras vem se tornando uma das principais características do grupo terrorista, que demonstra uma certa preferência por jornalistas.

Em agosto do ano passado, o jornalista norte-americano James Foley foi decapitado em frente às câmeras, após ser obrigado a ler um comunicado dos terroristas. No começo de janeiro deste ano, muçulmanos simpatizantes do Estado Islâmico perpetraram um ataque à sede do jornal semanal francês Charlie Hebdo, dizendo ser uma “vingança” às charges de Maomé feitas pelo periódico.

Agora, o jornalista japonês Kenji Goto, convertido ao cristianismo, está sob ameaça de morte caso o governo japonês não obriga a Jordânia a libertar uma terrorista presa. Caso as exigências do Estado Islâmico não sejam atendidas, a execução de Goto está marcada para hoje, 28 de janeiro.

Dilma

Mesmo nesse cenário de barbárie, a presidente Dilma Rousseff (PT) defendeu o diálogo com o grupo terrorista durante seu discurso na abertura da Assembleia Geral da ONU, em Nova York, no último mês de setembro.

A postura da presidente (que governa um país de ampla maioria cristã) foi duramente criticada por outros chefes de Estado, lideranças religiosas no Brasil e também por muitos jornalistas.


Por Tiago Chagas - Via Gospel+

domingo, 25 de janeiro de 2015

Governo Federal vai monitorar intolerância religiosa nas redes sociais

FreePik

A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), braço do Governo Federal, anunciou esta semana que irá começar a acompanhar mais de perto as manifestações de intolerância religiosa nas redes sociais.

Ao explicar a nova medida, a ministra da pasta, Ideli Salvatti, afirmou que isso se faz necessário porque “boa parte da intolerância religiosa se propaga pela rede”. De acordo com o portal iG, o monitoramento será feito pelo grupo de acompanhamento dos crimes de ódio pela internet, formado no final do ano passado.

O grupo de trabalho (GT) é formado pela a Polícia Federal (PF), pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e pelas defensorias públicas dos estados. Ideli explicou que, quando couber inquérito, os caminhos legais serão acionados.

De acordo com a representante do Governo, além de monitorar crimes de intolerância religiosa, o grupo atua em ocorrências de violação de direitos humanos como homofobia, racismo, machismo, apologia ao nazismo, além de questões de pedofilia e pornografia, que já têm ações estruturadas há mais tempo na pasta.

– Temos a convicção de que a questão da intolerância religiosa cresce no mundo. Estamos acompanhando atos terroristas com base na religião. Aqui no Brasil já tivemos fatos lamentáveis de intolerância, envolvendo religiões de matriz africana, e também casos lamentáveis, envolvendo evangélicos, católicos – afirma.

Por Dan Martins - Via Gospel+

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Sérgio Lopes na Canaã - Sensacional!

Foto: Lucas Filho

No último domingo (18-01), o cantor Sérgio Lopes esteva na Assembleia de Deus Canaã. Fomo lá conferir a multidão que veio ouvir o cantor e a pregação do pastor Jecer Goes.

Mais uma vez Deus presenteou a todos com muitas vidas descendo as escadas chorando e clamando a Deus para terem uma nova vida. O poder de Deus foi manifestado mesmo antes da pregação. Simplesmente sensacional ver o agir de Deus. Confira mais algumas fotos:



sábado, 17 de janeiro de 2015

“A alma pode abandonar o corpo e observá-lo”, afirmam cientistas

Divulgação

Um estudo realizado por uma equipe de pesquisadores holandeses chegou à conclusão de que a alma das pessoas que passam por um estado de morte clínica abandona o corpo físico e pode observar nitidamente o que acontece em seu entorno.

Segundo o History Channel, os cientistas reuniram mais de 70 casos de pessoas que conseguiram relatar suas experiências durante o lapso em que estiveram clinicamente mortas e estabeleceram que a consciência pode viver além do cérebro, apesar de que o mundo tal qual o percebemos seja acessível apenas através dos sentidos físicos.

Um dos casos citados no estudo foi o de um paciente que ficou clinicamente morto por 20 minutos, após uma cirurgia cardíaca de alto risco e que, inesperadamente, voltou à vida. Segundo os cientistas, após sua ressurreição o paciente apresentou um relato preciso sobre as cenas que rodearam sua morte transitória.

Segundo os autores do estudo, ele descreveu uma luz brilhante no fim do túnel e contou como saiu de seu corpo. Além disso, ele teria visto os médicos conversando e indicou o lugar e o modo exato de como estavam parados. O paciente descreveu também, com exatidão, as anotações médicas que a enfermeira fazia no computador durante sua “morte”.

Após analisar dezenas de casos como esse, a conclusão dos autores do estudo foi de que estes pacientes estiveram de fato conscientes e fora de seus corpos durante o estado de morte clínica. Do contrário, explicam os pesquisadores, não seria possível a eles descrever as cenas ocorridas durante sua morte clínica tamanha precisão.


Por Dan Martins - Via Gospel+

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Assaltante morre instantaneamente após dono de loja orar e dizer “sangue de Cristo tem poder”

Foto: www.notipascua.com

Uma cena chocante surpreendeu várias pessoas em uma sapataria na Venezuela no dia 7 de Janeiro por volta de meio dia. Dois jovens assaltantes invadiram a loja de uma família cristã em Valle de la Pascua, no estado de Guárico, e roubaram todos os pertences das pessoas presentes e ainda vários pares de sapatos da loja.

Segundo o relato das testemunhas ao se darem conta do assalto os donos da loja começaram a orar sem parar e antes que os ladrões pudessem sair do local um deles caiu morto. A cena aconteceu logo depois de um dos donos gritar “O Sangue de Cristo tem Poder”. O vídeo da câmera de segurança mostrando o exato momento do acontecido está com a polícia, segundo a imprensa local.

Um legista chamado pela polícia está tentando entender porquê o assaltante morreu. Ronner Eduardo Muñoz Arrieta, conhecido como “El Babo”, tinha apenas 24 anos e morava próxima a loja. Seu comparsa, após ver o parceiro morto, simplesmente roubou sua arma e fugiu com o que conseguiu carregar.

Em um site de notícias local é possível ver mais imagens do local e do jovem morto (aviso de imagem forte).

A notícia está rodando o mundo e levantando uma forte discussão devido a polêmica. Muitos acreditam que há clara ação do poder da fé, já outros crêem que foi uma simples coincidência.


Por Renato Cavallera- Via Gospel+

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Humorista cristão critica a campanha “Je Suis Charlie” e fala sobre desenhos da revista que ridiculariza a fé cristã

Divulgação

Após o atentado ao prédio da revista ‘Charlie Hebdo’, em Paris, na França, milhares de pessoas começaram a publicar mensagens de repúdio ao terrorismo. Nas redes sociais, muitas pessoas publicaram a frase “Je Suis Charlie” (Eu Sou Charlie), em alusão a uma campanha contra os atentados, que foi fomentada até mesmo por celebridades internacionais na premiação do Globo de Ouro no último domingo (11).

Porém, a campanha foi questionada por vários cristãos, como o humorista Jonathan Nemer, criador do canal ‘Desconfinados’, que argumentou não ser possível um cristão se declarar como um “Charlie”, visto que os cartunistas da publicação francesa ridicularizavam a fé de diversas religiões, incluindo o cristianismo.

Admito que algumas pessoas de fato sejam como os cartunistas da Charlie Hebdo, mas não brasileiros, tampouco cristãos. Cristãos não são Charlie, nem católicos, nem evangélicos. Não tem como dizer que é Charlie, é incoerente – afirmou o humorista, criticando as pessoas que publicaram a mensagem em sites e redes sociais.

Nemer comentou, em seu texto sobre o tema, que os desenhos feitos pelos cartunistas da revista constantemente ridicularizam não só a fé islâmica, como também a fé cristã. Ele frisa que a ‘Charlie Hebdo’ já “publicou na capa de sua revista uma caricatura do Espírito Santo, tendo relação sexual com Jesus e com Deus, num trenzinho, fazendo apologia ao Casamento Gay”.

Talvez você postou que é Charlie na empolgação, no oba oba, mas tenho certeza que não foi ver que tipos de desenhos tal revista já publicou. Ela não fazia chacota apenas de Maomé, mas também de Jesus, de Deus, da Trindade – ressaltou.

-Sou totalmente contra o terrorismo, mas de forma alguma posso dizer JE SUIS CHARLIE, porque sou contra o desrespeito, seja ao cristianismo, ao islã, ao catolicismo, ao espiritismo, etc. Porque nos revoltamos quando o Porta dos Fundos faz um vídeo fazendo chacota com Jesus e agora queremos dizer que somos Charlie? (…) Liberdade de Expressão é um Direito, mas ele deve ser exercido até onde começa o Direito de outra pessoa. Liberdade de Expressão pra ofender, provocar ódio nas pessoas, também é uma forma de terrorismo. Você é Charlie? Então saiba que pra mim você também é um terrorista, e posso dizer que, definitivamente, EU NÃO SOU CHARLIE – completou Jonathan Nemer.


Por Dan Martins - Via Gospel+

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Sérgio lopes em Fortaleza - Assembleia de Deus Canaã

Divulgação

Iniciando o ano com doze cultos seguidos pedindo a Deus um 2015 abençoado; a convenção com diversos cantores e pregações poderosas e uma santa ceia espiritualmente falando fantástica ainda reserva um culto especial de adoração a Deus.

No próximo dia 18 A partir das 18:40min, estará na SEDE da Assembleia de Deus Canaã, o cantor Sérgio Lopes. Venha prestigiar este evento não esquecendo que o maior e primeiro convidado que também estará presente é o nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo (A Ele toda a honra e toda a glória).

Chegue cedo, pois nos últimos cultos, os portões da igreja estão sendo fechados devido a super lotação do estacionamento.

Por Lucas Filho.